Tag Archives: Alentejo

… adormeci na viagem, mesmo com as pernas apertadas e a coluna torcida pela ergonomia standart dos bancos do autocarro. Quando acordei por momentos e ainda no meio desse mesmo acordar, pensei que me tinha enganado no autocarro! Na minha viagem para a minha terra, estava tudo verde… só se via verde por todo o lado. Onde por norma a planície tem os seus tons amarelos com pitadas de cor aqui e ali, agora estava tudo verde… a planície transpira vida, clorofila e frescura… desperto desse sono torto, fiquei a observar os campos, o horizonte que se confunde com o inicio, lá bem ao fundo, do céu azul… as bermas da estrada estavam verdes, o verde à volta das oliveiras e dos muros das herdades… sem duvida que me parecia outro Alentejo. Contudo e à medida que a viagem ia avançando terra dentro, com tanto verde que me entrava pelos olhos, sentia algo que só costuma acontecer no Alentejo e nem este novo verde o conseguia disfarçar ou anular… talvez porque a terra por baixo do verde continua igual, talvez porque as árvores e os muros nos campos o detêm como sempre, apesar deste novo verde… o tempo ou a sensação do mesmo… não é a mesma no Alentejo

Anúncios